Hipnoterapia


Apesar da Hipnoterapia ou Hipnose clínica, já existir há muitos e muitos anos e já haver muitos estudos a comprovarem os seus resultados positivos, ainda há muitas pessoas a fazerem confusão entre a hipnose terapêutica e a hipnose de Palco, mas na realidade são métodos totalmente distintos.

O assunto “Hipnose” é hoje em dia algo já muito comum nos meios terapêuticos.

Cada vez mais, tanto a medicina como vários estudos académicos desmistificam a ideia errada de que a hipnose é uma prática mágica, esotérica ou teatral.


Hoje, a prática da hipnoterapia, é reconhecida como um método terapêutico eficaz e é aplicada em diversos tratamentos e praticada até mesmo em hospitais, no entanto, pela ligação incorrecta ao que se vê na televisão e em palco, ainda há muito medo e resistência em usufruir dos seus benefícios.


Hipnose é um estado muito natural e todos nós passamos por este estado todos os dias... pelo menos uma vez por dia :)


Na hipnose terapêutica, o objectivo é atingires uma concentração total, onde focas toda a tua atenção no teu mundo interior, sem nunca fazeres nada contra a tua vontade e mantendo-te SEMPRE, MAS SEMPRE CONSCIENTE.

Na hipnose terapêutica, o estado de transe é leve e não ficas inconsciente e nem fazes nada sem saber o que estás a fazer... não dizes nada que não tenhas a consciência do que estás a dizer... simplesmente a tua mente está mais concentrada, mais ligada ao teu eu interior...


Hipnose é um estado natural de consciência diferente do estado de vigília, semelhante ao sono, mas também não é dormir. É um estado temporário de atenção modificada.

De uma forma muito simples, a hipnose é um método de comunicação que induz um transe ou um estado semelhante a um transe. Na verdade, não é nada que nunca tenhas experimentado. Todos nós já entrámos e saímos de um transe e fazemos isso muitas vezes por dia sem nos darmos conta disso!

O exemplo disso, é quando estás a ler, ou a ver televisão, ou a fazer qualquer coisa e há alguém que te chama, mas tu estás com o foco no que estás a fazer, que nem ouves...

Outro momento, que todos os dias passamos por um estado de transe terapêutico... sim todos os dias, é entre o estares acordado(a) e o adormeceres... aquele momento em que ainda ouves o que se passa, mas... já não tens muita reacção para reagires... no entanto, se fosse algo importante reagias...


Quando uma pessoa está em estado de transe hipnótico é possível comunicar directamente com a mente inconsciente, que não critica nem raciocina do mesmo modo que a mente consciente. Este estado hipnótico é caracterizado por um marcante aumento quer da criatividade e da receptividade à sugestão, como também da capacidade para modificar a percepção e a memória.


A hipnose pode alterar a forma como o cérebro interpreta a experiência, podendo mudar as percepções, os pensamentos, os comportamentos, e os sentimentos da pessoa.


No momento em que a pessoa se encontra num estado hipnótico, as "defesas" oferecidas pela mente consciente (razão) diminuem e assim, ideias que originalmente eram questionadas e ou ridicularizadas, começam a ser facilmente transmitidas para a mente inconsciente.


No estado hipnótico a mente consciente fica "desligada" impedindo o seu poder dedutivo. Isso permite que a pessoa entre num profundo estado de sensibilidade e possa ressignificar as suas memórias.

A hipnose funciona porque todos os seres humanos são sugestionáveis. E a sugestão é o segredo chave da hipnose.


A hipnose terapêutica, ressignifica situações, pensamentos, sentimentos, emoções, ideias e atitudes que a pessoa dificilmente conseguiria fazer de uma forma racional. Se a hipnose pode trazer novas sugestões, pode com isto formar novas ideias e crenças, permitindo que comeces a acreditar que por exemplo, “amanhã irás sentir-te calmo(a) quando estiveres a fazer uma apresentação em publico”.


Nós somos reflexos das sugestões que aceitámos ao longo da nossa vida, as quais formam as nossas crenças sobre o mundo e sobre nós próprios. Essas crenças estão armazenadas no nosso inconsciente.

As sugestões podem chegar de várias fontes: família, televisão, religião, sociedade, professores, etc. sendo que noventa por cento destas sugestões são instaladas antes dos 6/7 anos de idade quando a capacidade crítica ainda se está a desenvolver.

Estas crenças e memórias impedem a pessoa de visualizar o seu pleno potencial e diariamente poderá ouvir-se dizer frases como: "Eu não posso”, “Eu sou gordo”, “Estou com medo”, “Não adianta tentar”, “É difícil”, “É impossível", e cada vez mais se auto-sugestiona negativamente e limita o seu poder de actuação... ou seja... estas frases e outras negativas que tu possivelmente dizes ou pensas diariamente, vezes sem conta, são nada mais nada menos do que auto-hipnoses negativas... e o que se pretende é substituir essas sugestões negativas, por sugestões positivas, permitindo assim, que tu te sintas mais confiante, mais capaz, mais alegre, mais feliz, mais tudo o que desejas...


Apesar da mente inconsciente ter o poder de aceitar e armazenar sugestões negativas, também tem o mesmo poder para aceitar e armazenar sugestões positivas, conseguindo substituir os padrões negativos para positivos. O inconsciente é uma “máquina” poderosa livre de críticas e julgamentos. Aceitará como literal e verdadeiro qualquer sugestão que possa chegar até lá e este é o poder da hipnose.


Analisando desta forma, até podemos dizer que todos fomos hipnotizados com sugestões, que ouvimos repetitivamente toda a vida... muitas vezes negativas e não realistas, e como tal... a hipnoterapia... pode desipnotizar-te para que fiques livre e disponível para desfrutar do teu potencial máximo, que poderá estar bloqueado com as sugestões negativas.


O desafio de hoje é ouvires a gravação que eu envio o link:

https://youtu.be/eb4imRLAGHw


É uma hipnose para a confiança e Bem-estar, feita com muito amor e carinho.

É adequada a qualquer pessoa.

Esta hipnose foi gravada por mim e a música foi criada por Luís Leal, um amigo meu que tem um gosto pelo música de coração e ao qual agradeço toda a dedicação e a contribuição dele para que este projecto fosse concretizado.


Podes ouvir e abusar da gravação...

Cientificamente dizem que para alterarmos algo em nós, temos que ouvir/fazer no mínimo 21 dias seguidos... há também quem defenda que é necessário 90 dias, para conseguirmos realmente mudar algo em nós... por isso, usufrui e aproveita desta oportunidade o tempo que sentires que te pode ajudar.

Dicas: Podes ouvir a qualquer hora do dia, de preferência num local calmo e tranquilo. Se adormeceres, não faz mal... o teu inconsciente está a ouvir. Se ouvires antes de ires dormir, garante só que a gravação não está no modo de repetição, pois não é aconselhável estares a noite toda a ouvir, para que não interfira no teu merecido descanso. Bom Relaxamento

Tudo de bom para ti

Dora Alcaria

Featured Posts
Recent Posts
Archive
Search By Tags
  • Facebook Basic Square
  • Instagram
  • Twitter Basic Square
  • LinkedIn ícone social
Follow Us

Para mais Informações ou marcação:

  • Facebook ícone social
  • Instagram
  • Twitter ícone social
  • LinkedIn ícone social

Todos os direitos reservados a Dora Alcaria

Livro de reclamações.jpg